07 setembro, 2012
tumblr_l4e99uybky1qa5ifko1_500_large.jpg (500×333)

Há quem pense que um pouquinho de ciúmes não faz mal a ninguém e que é até fofo quando nosso namorado sente ciumes da gente não é mesmo ? Mas nem tudo são flores ou rosas , quando o ciúmes começa a ser exagerado é capaz de te afastar das suas amigas , se fecharem demais em um mundo só dos dois , o que também pode acabar completamente com o namoro , ou até mesmo com um "ficante" , mas o que fazer nesse tipo de situação ? 

Namorado Ciumento : 

tumblr_lasw8683R91qdr6who1_500.jpg (500×332)

Namorado com um pouco de ciúmes é uma fofura , mas quando isso muda e o ciúmes se torna excessivo a ponto de impedir você de fazer as coisas que mais gosta , começe a se fazer as seguintes perguntas :

- Ele costuma te ligar o tempo todo?

- Ele sabe todos os lugares que você vai?

- Ele costuma te proibir de sair com as suas amigas?

- Ele permite que você vá a uma festa sem ele?

- Ele tem a senha das suas redes sociais?


Se você respondeu sim pra três ou mais perguntas , SINAL VERMELHO ! Isso indica que ele é muito inseguro , ou seja tem muito medo de te perder (FOFO ? Talvez ! ) , mas a base de uma relação é a confiança e o respeito , sem isso seu relacionamento não pode ir muito tempo :

“Devo aceitar as proibições do meu namorado?”

Nem todas! O certo é que ninguém proiba ninguém , desde o começo do namoro deve haver confiança para que os dois se sintam seguros . Uma boa dica é que desde o começo você demostre o que sinta , seja completamente sincera , mostre e digas as coisas que você gosta e as que nãos gosta , para que mais pra frente ninguém se magoe , a sinceridade e o diálogo é um dos melhores caminhos para um bom relacionamento.

Quando é hora de dar um basta:

Esse tipo de situação é muito complicada e o ciúmes concerteza é capaz de destruir uma relação , afinal uma hora a gente cansa de ter que abrir mão da própria vida e do que costumamos fazer pra agradar o parceiro. Vale a pena lembrar de um velho ditado de Dalai Lama: “dê a quem você ama: asas para voar, raízes para voltar e motivos para ficar”. Quem ama, confia!


A Ciumenta sou Eu : 



Se os homens sentem ciúmes que dirá nos mulheres ! Eu acho que nós ainda somos mais ciumentas que eles , afinal rola toda aquela questão a insegurança , o " medo de perder " , que acaba nos estimulando sentimentos como o ciúmes , e quanto mais ciúmes pior fica a relação .

Aprenda a controlar :

Se você se considera ciumenta demais tende controlar seus sentimentos :

- Aprenda com o passado , não cometa de novo os erros que você fez no passado , faça diferente , supere ,  nem sempre é fácil , mas é preciso esse tipo de coisa te ajuda a ter mais confiança ;

- Seja auto confiante , boa parte da causa do ciúmes é a auto estima baixa então tente gostar de si mesmo faz com que você tenha mais segurança e faz com que um pouco desse medo de ser trocada por outro passe , afinal sua auto estima não depende de ninguém e não pode depender dele ;

- Converse bastante com seu namorado , o diálogo vai fazer com que um confie mais no outro , em vez de fazer aquela cena com o rapaz tente sentar para conversar e resolver a situação , vai mostrar maturidade ;

- Se coloque no lugar dele , antes de fazer aquela cena de ciúmes , experimente se colocar no lugar dele , examinar a situação , o respeito é fundamental e esse tipo de atitude te ajuda a pensar melhor e agir sensatamente e não por impulso .

As vezes o ciúmes pode ser coisa da sua cabeça ! Agora se seu namorado costuma ter atitudes de falta de respeito com você , não insista ! Isso só fará a sua auto estima baixar mais ! Amem a si mesmas antes de gostar de qualquer outra pessoa , assim vocês vão encontrar a felicidade !

Beijos , Ariane

0 comentários:

Pesquise

Ariane Rodrigues, 18 anos,canceriana, romântica nata, curiosa, confusa, intrigante e cheia de irônias. Louca pela família e amigos .Futura jornalista, ama ler, ouvir músicas do tipo que acalmam a alma. Apaixonada por moda e pela Demi Lovato ♥.

  

Facebook

Seguidores

Marcadores

Tecnologia do Blogger.

Arquivo do blog

Tradutor